Pai Nosso do Respeito às Diferenças

Escrevi esta oração inspirado nas palavras da tradicional “Pai Nosso”. Que possamos, cotidianamente, reencontrar e renovar nossa força e nossa coragem para continuarmos sendo pessoas significativamente especiais na vida uns dos outros e colaborando na construção de um mundo de paz e ternura, formando uma só corrente do bem!

PAI NOSSO, Tu que cuidas igualmente de todas as tuas filhas e de todos os teus filhos que habitam todos os cantos da Terra, cuida, igualmente, do nosso coração, da nossa mente e da nossa alma, para que possamos reaprender a amar, com a sensibilidade de um eterno aprendiz!

SANTIFICADO SEJA O TEU NOME, porque somente Tu, Pai, sabes sussurrar palavras verdadeiramente generosas no silêncio interior de todos os seres que descansam no colo da Mãe Terra.

VENHA A NÓS O TEU REINO, para que possamos construir aqui o nosso cantinho, um lugarzinho amoroso de harmonia, de silêncio e de compaixão, e a nossa capacidade de colocar-se no lugar do outro. Afasta para bem distante, Pai, todo egoísmo, arrogância e toda indiferença.

SEJA FEITA A TUA VONTADE pela manhã, ao meio dia, à tarde e por toda a noite. Tua vontade, sempre, Pai. No lugar aonde moras e na casa em que vivem tuas filhas e teus filhos: os humanos, os animais, as plantas e todos os seres viventes.

O PÃO NOSSO DE CADA DIA NOS DAI HOJE. Mas não te esqueças de nós, Pai Nosso, nos próximos dias que virão. Que o nosso pão seja amassado e misturado com a justiça, a ética, a generosidade e o respeito pelo jeito de ser e de viver de cada pessoa que habita aqui, nesta Terra, mãe e casa de todos.

PERDOA AS NOSSAS OFENSAS para que nós também aprendamos a perdoar aqueles e aquelas que, em algum momento, nos desrespeitaram com palavras, atitudes e pensamentos. Que o nosso coração se embriague com o néctar da ternura, da bondade, da compaixão e da empatia. Todos os dias!

LIVRA-NOS DO MAL da vaidade, da violência e das agressões de qualquer natureza. Queremos dormir hoje sonhando com a paz e amanhecer todos os dias trabalhando por ela! Que nossa boca aprenda, finalmente, a pronunciar somente palavras gentis, elegantes, amorosas. Palavras do bem e do belo!

ASSIM SEJA, Pai Nosso, Pai gerador da Vida e de todo Amor… Hoje, amanhã e sempre. Em todos os tempos. Em todos os lugares! Amém, que seja assim, para sempre!

Por José Donizetti dos Santos

Deixe um comentário

Copy link
Powered by Social Snap